Veja o significado dos nome dos bebês das famosas que deram à luz em 2021

Diferentes celebs brasileiras e internacionais aumentaram a família neste ano. Prepare-se para se inspirar, pois as escolhas delas devem ditar tendências!

Por Flávia Antunes Atualizado em 19 jul 2021, 21h05 - Publicado em 19 jul 2021, 17h59

Gestar durante a pandemia tem sido um desafio extra para as famílias, mas isso não impediu que muitas mães e pais realizassem o sonho de trazer um bebê à vida. Dentre as que receberam novos integrantes em 2021 – e que compartilharam a notícia com entusiasmo nas redes sociais -, estão as famosas da TV, da internet ou do cenário musical.

Algumas viveram a gravidez pela primeira vez e outras presentearam os filhos com um irmãozinho, mas independentemente de qual foi a circunstância, uma coisa é certa: o nome escolhido pelas personalidades costuma ditar tendências e serve de inspiração para quem está à espera de um pequeno.

Inclusive, muitas retomaram a moda do curtinhos, outras trouxeram nomenclaturas mais antigas aos holofotes e, neste ano, teve até mesmo homenagem à Família Real. Ficou curioso e está em busca de inspiração? Então, prepare-se para ver o significado de cada nome e já separe o bloquinho para anotar as referências:

1. Zaya

View this post on Instagram

Continua após a publicidade

A post shared by Zaya Diniz (@zayadiniz)

A cantora sertaneja Simone, que faz dupla com Simaria, anunciou a chegada da segunda filha em fevereiro, fruto do relacionamento com o empresário Kaká Diniz. A decisão de como a menina chamaria pode parecer inusitada, mas na verdade tem justificativa – que rendeu inclusive um vídeo explicativo no canal do YouTube da mãe.

Simone contou que cada parte da família estava pendendo para uma opção de nome diferente, então o casal decidiu juntar as duas principais escolhas: Maya e Zara. O resultado dessa combinação foi Zaya, que ainda atendeu ao gosto da artista pelas nomenclaturas curtinhas.

Não existe consenso sobre a origem do termo, mas há quem diga que possa significar “luminosidade”. Já analisando os dois nomes que o compõem, o cenário muda um pouquinho: Zara vem do árabe, que quer dizer “princesa” ou “flor que floresce”, enquanto que Maya é a deusa grega da fecundidade e da primavera, além de ser a palavra tupi para “mãe”. Só traduções especiais, hein?

2. Luca

View this post on Instagram

Continua após a publicidade

A post shared by LORENA CARVALHO LUCCO (@lorenacarvalhod)

Também na onda dos nomes curtinhos, nasceu Luca, filho de Lorena Carvalho com o cantor Lucas Lucco. A chegada do pequeno através de um parto vaginal humanizado aconteceu em março e foi compartilhada pela mãe por meio de um relato sensível em sua rede social, que ganhou ainda mais doses de emoções pelo público saber que o casal havia passado por uma perda gestacional em outubro de 2019.

Perfeito para quem curte o mix de força e simplicidade, Luca é a variante italiana do nome latino Lucas e também se refere aos nascidos na região da Lucânia. Inspirando positividade, a nomenclatura quer dizer “aquele que traz luz”, “luminoso” ou “brilhante”, além de designar um dos apóstolos de Jesus Cristo, autor de um dos quatro evangelhos encontrados no Novo Testamento.

  • 3. Isabel

    View this post on Instagram

    Continua após a publicidade

    A post shared by Talita Younan (@talitayounann)

    Bem no comecinho de 2021, a atriz Talita Younan recebeu a primeira filha, Isabel. A pequena capricorniana tem esse nome delicado que nunca sai de moda – e por sinal é um dos mais registrados na Espanha e também faz sucesso entre a realeza, por ser a versão popular de Elizabeth.

    De origem hebraica, a escolha da artista quer dizer “prometida a Deus” e pode ser escrita com “z” ou então em sua forma abreviada “Isa”, considerando que as nomenclaturas que parecem apelido estão em alta. Há também outra definição para o termo, que se refere a uma pessoa “pura”, “casta” ou “aquela que cumpre as suas promessas”.

    4. Rayan

    View this post on Instagram

    Continua após a publicidade

    A post shared by Jiu-Jitsu. Brazil (@kyragracie)

    Ainda falando sobre famosas que deram à luz nos primeiros dias do ano, temos a esportista Kyra Gracie, casada com o ator Malvino Salvador. O casal ganhou o terceiro filho, Rayan, em 8 de janeiro e a escolha mostrou que o gosto por nomes pouco comuns continua em alta (as outras filhas da família se chamam Ayra e Kyara).

    Não se sabe com precisão o significado da nomenclatura, mas é possível que seja uma variação de Ryan. Neste caso, seu significado seria algo como “pequeno rei”, já que une a palavra , traduzida como “rei” e um sufixo que indica diminutivo. Existe ainda uma bela correspondência no árabe Rayyan, que remete às “portas do paraíso”. 

    5. Lilibeth Diana

    View this post on Instagram

    Continua após a publicidade

    A post shared by Misan Harriman (@misanharriman)

    Príncipe Harry e Meghan Markle levaram a segunda gravidez de forma discreta, até que a assessoria do casal anunciou no início de junho a chegada da menina. Além dos detalhes técnicos sobre o nascimento do bebê, o documento oficial também veio para sanar a curiosidade dos fãs ao redor do mundo, revelando o nome escolhido para a pequena, Lilibeth Diana, e o seu significado.

    “Lili se chama assim em homenagem à sua bisavó, Sua Majestade, a Rainha, cujo apelido familiar é Lilibeth. Seu segundo nome, Diana, foi escolhido em homenagem à sua amada avó, a Princesa de Gales”, explicou o comunicado.

    E além da simbologia associada a pessoas importantes da família, os termos isolados também carregam lindas referências. De origem hebraica e raízes religiosas, Lilibeth significa “prometida a Deus” ou ainda “Deus é abundância”. Já Diana vem do latim e quer dizer “divina” ou “aquela que ilumina”.

  • 6. Pedro e João

    View this post on Instagram

    Continua após a publicidade

    A post shared by Andréia Sadi (@sadiandreia)

    Não um, mas dois! Em 7 abril (por coincidência, o Dia do Jornalista), a jornalista Andréia Sadi deu à luz Pedro e João, frutos do relacionamento com o apresentador André Rizek. Os gêmeos receberam nomes mais tradicionais, que tiveram seu ápice de popularidade nos anos 2000, mas que ainda são favoritos entre os pais.

    O primeiro, por exemplo, aparece na forma composta Pedro Henrique como o sexto mais escolhido para meninos na última década e deriva da expressão Pétros, que tem o sentido literal de “pedra” ou “rochedo” – mas que, metaforicamente, pode lembrar características de força e determinação para a criança.

    Por outro lado, João tem origem hebraica e pode ser traduzido como “Deus é misericordioso” ou “agraciado por Deus”. Ambos possuem correspondência na Bíblia, como nomes de apóstolos de Jesus Cristo.

    7. Manuel

    View this post on Instagram

    Continua após a publicidade

    A post shared by Karol Pinheiro (@karolpinheiro)

    Mais um clássico que soa antiguinho, mas que vem voltando a fazer sucesso, é Manuel. Ele foi a escolha da influenciadora e jornalista Karol Pinheiro para o primeiro filho e, dentre as justificativas para a decisão, a mãe citou o fato do nome ser livre de pressões de gênero, já que o apelido Manu funciona tanto para meninas quanto para meninos.

    Ao consultar a origem do termo, é possível encontrá-lo como uma variação de Emanuel, que vem do hebraico e significa “Deus está conosco”. A nomenclatura é bastante presente em solos portugueses, e há ainda uma correspondência do apelido em indiano, sendo Manu como os hindus chamam o progenitor dos humanos.

    8. August

    View this post on Instagram

    Continua após a publicidade

    A post shared by Mandy Moore (@mandymooremm)

    Se os pais procuram registrar o pequeno com um nome charmoso e de pronúncia internacional, a escolha da atriz Mandy Moore pode servir de inspiração! A norte-americana deu à luz em fevereiro, aos 36 anos, e logo revelou que o bebê se chamaria August (com o fofo apelido de “Gus”).

    Aqui no Brasil, a variação “Augusto” é mais encontrada, mas em ambos os casos o significado é o mesmo: “consagrado”, “sublime”, “elevado” e até mesmo “extraordinário”. Quantas qualidades positivas, né?

    9. Mae James

    View this post on Instagram

    Continua após a publicidade

    A post shared by Hilary Duff (@hilaryduff)

    Talvez o nome mais diferente da lista, Mae James é como a atriz Hilary Duff registrou sua terceira filha. A pequena veio ao mundo através de um parto domiciliar – que rendeu lindos cliques, por sinal – e recentemente a mãe compartilhou detalhes sobre a experiência de dar à luz em casa, além de falar sobre a importância de ter pessoas de confiança por perto durante o processo.

    O composto escolhido para a menina possui algumas possibilidades de tradução. Mae pode ser definido como “pérola”, quando buscado no dicionário inglês, ou então fazer correspondência ao mês de maio; enquanto que James é a forma anglo-escocesa para Tiago ou Jaime, que deriva de Jacó e quer dizer “calcanhar de Deus”.

    Continua após a publicidade
    Publicidade