10 nomes de bebê fofos inspirados nos personagens de ‘Turma da Mônica’

Além das nomenclaturas terem belos significados, elas sempre serão lembradas com carinho pelos pais e mais tarde pelos próprios filhos.

Por Alice Arnoldi Atualizado em 9 fev 2022, 09h55 - Publicado em 7 fev 2022, 13h54

A inspiração para o nome do pequeno pode vir de muitos lugares, como do país favorito da família, da paixão pelos clássicos ou, quem sabe, daquela letra do alfabeto que os pais simpatizam. Já para aqueles que querem uma nomenclatura mais específica, que tal revisitar os quadrinhos da “Turma da Mônica”? Afinal, marcou a infância dos pais e segue fazendo fãs de todas as gerações.

Originalmente, as tirinhas surgiram em 1959 quando passamos a conhecer Mônica, Magali, Cebolinha e Cascão. Só que as produções de Maurício de Sousa já não são mais só parte do universo dos quadrinhos e foram parar na televisão, ganharam um parque, as prateleiras dos mercados, estrelaram versões mais adultas estilo mangá e até suas versões reais no live-action “Turma da Mônica: Laços” e a sequência “Turma da Mônica: Lições”.

Então, para os seguidores da turminha mais querida do bairro do Limoeiro, separamos dez nomes que vão ser sempre lembrados com carinho e ainda possuem belos significados. Prepare o print do celular e o bloquinho de anotações para não perder suas opções favoritas!

1. Mônica

A origem do nome da protagonista das histórias (e filha de Maurício de Sousa) é incerto. Há quem diga que tem raízes africanas, enquanto outros afirmam que ela deriva dos povos fenícios.

Mesmo sem saber exatamente de onde surgiu, a definição mais conhecida é “aquela que dá conselhos”, mostrando-se apaziguadora de situações difíceis. Característica forte em uma líder nata, como é o caso da nossa Mônica, né? Mas precisava de tanta coelhada, mocinha?

2. Magali

Assim como a nomenclatura da dona da rua, Magali (que também foi inspirada em um das filhas de Maurício) pode ter duas origens. A primeira e mais popular é que o nome seria o apelido francês provençal de Margarida, que significa literalmente “pérola”. Já a segunda possibilidade é ser uma variante de Madalena, trazendo como tradução “a que vive na torre de Deus”.

3. Milena

“Amável”, “querida” e “graciosa” são alguns dos belos atributos associados a esta nomenclatura de origem eslava. Dentro das histórias em quadrinho, a personagem que recebe este nome é uma menina negra que ama animais – lembrando a importância de crianças racializadas poderem se enxergar em diferentes tipos de produções audiovisuais.

4. Marina

Também inspirada em uma das filhas de Maurício de Sousa, Marina é a paixão de Franjinha e uma artista talentosa dentro da narrativa. Ainda que seja um nome bastante usado no Brasil, ele se tornou inicialmente popular entre o povo cigano, na Europa, e significa “aquela que veio do mar”. Então, prepare-se para receber uma pequena que gostará de estar perto das ondas!

5. Chico

Para os pais apaixonados por apelidos que se tornaram nomes próprios, a nomenclatura escolhida para o simpático garotinho da roça, que sempre está com o chapéu de palha, calças quadriculadas e pés descalços, é uma opção bastante querida.

Continua após a publicidade

Ele traz o mesmo significado de Francisco, que é “francês livre” ou “aquele que veio da França”. Nada melhor do que desejar muitas viagens para o pequeno, ‘ocê’ não acha?

6. Humberto

Escrito com “H” no começo ou apenas “U”, Humberto tem origem germânica e significa “famoso pela força”. Dentro dos quadrinhos, ele traz a diversidade mostrando como é só se comunicar apenas com a linguagem de sinais, representada por balões sem falas nos desenhos. No live-action da turminha, o personagem apareceu em “Turma da Mônica: Lições”.

7. Tina

Criada em 1964, Tina é uma das personagens favoritas do público, principalmente pelo seu visual mais hippie e que é fielmente retratado quando ela aparece no segundo filme da trilogia, sendo interpretada por Isabella Drummond.

O nome, que faz parte da onda dos curtinhos femininos, tem origem tanto grega quanto latina. Já o seu significado vai cativar pais mais religiosos, pois pode ser “pequena ungida por Deus”, ou aqueles que querem desejar força para a bebê que está a caminho, com a definição de “pequena guerreira”.

8. Luca

Presente tanto em produções estrangeiras, como na animação “Luca” da Disney, quanto nas brasileiras com “Turma da Mônica”. Nas histórias em quadrinho, ele é cadeirante e tem pose de galã, fazendo sucesso entre as meninas do bairro do Limoeiro.

Para os pais que gostam desta opção para nomear o filho que está chegando, saiba que ele tem raízes latinas e o singelo significado de “luz”. Sucinto e potente!

9. Rosa

Batizada no diminutivo, Rosinha é a a meiga namorada do Chico Bento e personagem clássica das historinhas. Popular no Brasil, a nomenclatura faz, claro, referência a uma das flores mais famosas do mundo, a rosa. Ele ainda permite variações como Rosana, Rosângela e Rosane. Gostou da ideia? Veja mais nomes inspirados em flores. 

10. Horácio

O simpático dinossaurinho foi um dos primeiros personagens criados por Maurício de Sousa. E o nome tem uma origem bonita: “aquele que é protegido pelas horas”. Na mitologia grega, as Horas eram filhas de Zeus e de Têmis, a deusa da a Justiça. Elas tinham como dever abrir e fechar as portas do dia. Subjetivamente, podemos dizer que é alguém que lida bem com o tempo da vida.

(E se você não curtiu nenhuma destas sugestões, confira nossa ferramenta de nomes de bebês. O do seu filho vai estar lá!)

Compartilhe essa matéria via:
Continua após a publicidade

Publicidade