8 formas de se fazer presente na vida de uma amiga que acabou de dar à luz

Muitas vezes, tudo o que ela precisa é de carinho: seja em forma de comida, ligação ou ajuda prática.

Por Ketlyn Araujo Atualizado em 5 mar 2021, 20h22 - Publicado em 6 mar 2021, 18h00

Descobrir que uma amiga querida ficou grávida é uma delícia, e nos faz querer estar perto dela sempre que possível para acompanhar a gestação e ajudar no que for preciso – da escolha do nome ao quartinho do bebê, do enxoval à parceria nas consultas e ultrassonografias.

Quando a criança nasce, porém, é bem comum que algumas amizades se afastem, muito por não saberem qual a melhor forma de dar suporte ou se mostrar presente para essa nova mãe. Uma das queixas mais comuns em puérperas, inclusive, é a solidão materna, sensação que emerge em um momento naturalmente sensível e no qual elas sentem que precisam dar conta de tudo e mais um pouco.

Com a pandemia e a necessidade de isolamento social, quem acabou de dar à luz pode sentir-se ainda mais sozinha e desamparada, mesmo com a presença da tão necessária rede de apoio. A fim de tentar mudar um pouco este cenário e fortalecer ainda mais amizades verdadeiras, fizemos uma lista com atitudes (fáceis) que você, uma amiga de verdade, pode colocar em prática para se manter presente na vida daquela pessoa querida que acabou de parir. Veja quais são elas:

  • 1. Envie um docinho ou uma cesta de café da manhã para a casa dela

    Nada como promover boas doses de carinho por meio da comida. Pode ser que a sua amiga que acabou de ter filho esteja com dificuldades em administrar os horários das próprias refeições, por conta da amamentação, cansaço e outros afazeres. É aí que você entra: uma possibilidade é enviar uma cesta de café da manhã bem completa para ela, com comidinhas leves e saborosas, ou então mandar via delivery aquele doce que você sabe que é capaz de fazê-la salivar.

    2. Faça uma ligação em um horário tranquilo

    Muitas vezes, tudo o que a puérpera necessita naquele momento é ser ouvida por alguém querido, e uma alternativa em tempos pandêmicos é marcar uma ligação ou chamada de vídeo em um horário tranquilo para ela – quando o bebezinho estiver dormindo, por exemplo. Exerça a escuta ativa e ofereça o que ela realmente precisa, ainda mais se for uma conversa sobre outros assuntos que não sejam a maternidade.

  • 3. Mande um delivery de fraldas

    Quem acabou de parir sabe que fralda nunca é demais, então por que não surpreender sua amiga com um delivery do produto? O carregamento, que pode chegar de surpresa e vir acompanhado por outros itens essenciais na rotina do bebê (fraldinhas, pomadas contra assaduras, lenços umedecidos), com certeza será uma das opções mais úteis para a sua amiga, que vai se sentir eternamente grata.

    Continua após a publicidade

    4. Faça uma comidinha caseira ou prepare o prato preferido da sua amiga

    Ainda na linha da gastronomia, se você manda bem na cozinha, que tal preparar uma comidinha caseira ou o prato favorito da sua amiga? Aqui, são duas as opções: recorrer à entrega ou, se possível, se oferecer para cozinhar algo bem gostoso na própria casa dela. Lembre-se que, para a segurança dela e do bebê, é necessário que você esteja em isolamento social há pelo menos 15 dias antes de fazer a visita, usar máscara e manter distanciamento no local.

  • 5. Envie flores e um cartão

    Os gestos de carinho clássicos também não precisam ser esquecidos, viu? Por isso, recorrer ao bom e velho combo de flores + cartão costuma não falhar. Escreva uma mensagem que vai além das felicitações, e faça questão de reforçar o quanto aquela pessoa pode – e deve – contar com você no pós-parto.

    6. Se possível, ajude nas tarefas domésticas

    Caso a maior dificuldade da sua amiga neste momento seja lidar com as tarefas domésticas, se ofereça para ajudá-la se possível, presencialmente ou não. Você pode sugerir que ela apenas separe as roupas sujas, se encarregando de lavá-las para ela e entregar as peças posteriormente ou, quem sabe, ficar responsável por lavar a louça do almoço ou até ajudar com uma faxina básica. Aqui, também vale lembrar que, qualquer ajuda presencial, demanda isolamento social há pelo menos 15 dias e distanciamento da puérpera e do bebê no local.

  • 7. Faça planos (possíveis) para um futuro próximo

    Em tempos difíceis como os que estamos vivendo, muitas vezes é necessário sonhar e fazer planos possíveis para um futuro próximo. Por isso, vale chamar sua amiga para conversar e falar sobre tudo aquilo que vocês poderão fazer juntas assim que a pandemia e o puerpério passarem. Um dia no SPA, um fim de semana na praia, um almoço ou jantar em um bom restaurante, uma tarde no cinema… opções não vão faltar!

    8. O principal: se coloque à disposição, mas sem ser invasiva

    Pergunte, seja sincera, ouça e respeite o momento da sua amiga. Ofereça ajuda prática, mas não se ofenda caso ela diga que não precisa de você naquele momento. Evite, ainda, ser invasiva, aparecendo na casa dela sem avisar ou programando algo sem conversar com ela antes, pois isso pode aumentar ainda mais os níveis de estresse de uma nova mãe, especialmente durante a pandemia.

    Mantenha-se presente de acordo, também, com as suas próprias possibilidades e limitações dentro dessa fase, afinal de nada adianta você se sobrecarregar em prol de outra pessoa. Bom senso e equilibro são a chave do sucesso, para você e para a saúde desta amizade.

    Continua após a publicidade
    Publicidade