8 nomes pouco comuns para meninas que nascerão no inverno

A estação mais fria do ano pede opções que lembrem pureza e aconchego. Confira nossa seleção criativa e com nomenclaturas de várias nacionalidades!

Por Flávia Antunes 17 Maio 2021, 17h28

A escolha de como a pequena irá se chamar é uma decisão especial que pode funcionar como um “retrato” do momento e sensações que a família está vivendo. Quem sabe os pais não escolhem levar para a certidão de nascimento toda a felicidade e os sentimentos positivos que a chegada da filha despertou?! Outra ideia criativa é eternizar a época em que a criança foi concebida ou quando deve chegar ao mundo.

Sim, estamos falando de usar nomes otimistas e calorosos para quem for nascer no verão, delicados e que simbolizam florescimento para os fãs da primavera, ou então aconchegantes e associados à pureza da neve, como as opções do inverno.

Se o nascimento da pequena está previsto para cair na estação mais fria do ano – e se os pais procuram termos autênticos e que fujam do comum -, estão no lugar certo! Separe o cobertor, o bloco de notas e venha conferir esses 8 nomes diferentes para meninas que nascerão no inverno:

1. Alba

De origem latina, alba quer dizer “muito branco” ou “muito claro”, o que pode fazer referência às cores que associamos à neve. Mas além dessa tradução, temos aqui mais uma que faz o nome ser perfeito para as pequenas nascidas no inverno.

Em espanhol, a palavra significa “alvorada” ou então “aurora”, e esta última definição lembra justamente o belíssimo fenômeno da aurora boreal, quando o céu das regiões polares do planeta ganham luzes brilhantes e coloridas – resultado do impacto dos ventos solares com o campo magnético da Terra.

2. Cristal

O nome já é charmoso por si só por remeter aos cristais, estruturas admiradas por sua preciosidade e usadas em meditações e rituais religiosos. E ele ganha ainda mais simbolismo quando resgatamos seus significados: Cristal pode vir do grego krystallos, que quer dizer “gelo” ou “pureza” – e por isso sua relação com a estação mais fria do ano – ou então do escocês, que remete “àquela que guarda Cristo dentro de si”.

3. Bianca

Embora não esteja tão em alta quanto em outras épocas, Bianca continua entre as 100 opções mais escolhidas pelos pais na hora de registrar a pequena. O clássico é a versão italiana de Branca e, por extensão, denota uma pessoa “de uma claridade que chega a brilhar”. Mais uma vez, nos fazendo lembrar do aspecto da neve e das características invernais.

Continua após a publicidade

Ah, e curiosidade: acredita-se que a popularidade do termo começou no século 16, por conta de personagens do escritor inglês William Shakespeare que foram batizadas assim, e o nome também é usado para denominar um dos satélites naturais do planeta Urano. 

4. Clara

De tradução quase que literal, temos aqui mais uma opção que remete à claridade, além de ser associada a adjetivos como “brilhante” e “luminosa”. O termo ganhou fama entre as meninas por influência de Santa Clara de Assis (antes, o nome era usado apenas no masculino, sabia?), e claro que não conseguimos deixar de pensar na filha de Tatá Werneck, Clara Maria, que esbanja fofura e carisma diariamente nas redes sociais da apresentadora.

5. Lumi

Os curtinhos, que não passam de duas sílabas, vem ganhando o coração dos pais! Ainda mais se forem autênticos como Lumi, que significa “neve” em finlandês. Suas variantes, inclusive, trazem denotações parecidas, como Lumikki, do mesmo idioma e que quer dizer “Branca de Neve”, sem falar do sentido de “luminosidade” por sua associação com outras palavrinhas de matriz latina.

6. Winnie

Meigo e de pronúncia delicada, Winnie esbanja características positivas. Por um lado, o nome pode ser considerado a abreviação de winter, termo inglês para inverno. Por outro, é o diminutivo de Winifred, da língua antiga gaulesa e que une elementos como “paz”, “reconciliação” e “proteção”. E como se não bastasse, há ainda a variante germânica Edwina, cujo significado é “amigo valioso”. Prevemos uma menina muito leal e que transmita boas energias, hein? 

7. Yuki

Se a ideia for apostar em um nome livre de pressões de gênero ou homenagear a descendência japonesa da família, aqui está o combo perfeito! Isso porque Yuki pode ser traduzido literalmente como “neve” e é usado em alguns lugares tanto para meninas quanto para meninos.

Mas não pense que acabou, pois a lista de significados para Yuki é extensa, podendo ser associado à “felicidade”, “sorte” e “gentileza abundante”. Outra simbologia bastante emblemática remete a “pessoas perseverantes que apresentam coragem mesmo diante do frio e da neve”. Mais relação com o inverno, impossível!

8. Noelani

Talvez o mais “diferentão” da lista, este deve agradar os pais que gostam de nomenclaturas ousadas e que fogem das origens europeias, sem deixar de lado o simbolismo. Noelani é um nome havaiano que quer dizer algo como “névoa celestial” ou “orvalho”. De todo modo, lembra qualidades de plenitude e tranquilidade.

Continua após a publicidade

Publicidade