Como introduzir feijão no cardápio da criança? Veja 3 receitas deliciosas!

O ideal é que o alimento não seja oferecido na forma de grãos inteiros em um primeiro momento e que seu preparo siga alguns cuidados para evitar indigestão.

Por Flávia Antunes 27 abr 2021, 18h06

A culinária brasileira é rica em sabores, aromas e modos de preparo. Mas independente da região do país em que você estiver, sempre haverá um cantinho no prato destinado a um ingrediente: o feijão. Versátil e delicioso, o companheiro fiel do arroz possibilita uma série de receitas e não vemos a hora de incluí-los no cardápio dos pequenos.

A boa notícia, como explica Luciana Nunes, nutricionista especialista em nutrição materno infantil, é que o grão pode ser oferecido para o bebê desde o início da introdução alimentar, aos seis meses de vida. 

Bom para a saúde, sim! 

Além de agradar o paladar de muitos, o grão tem várias funções interessantes para o organismo. “O feijão é um alimento pertencente ao grupo das leguminosas, assim como a lentilha, o grão-de-bico e a ervilha. Ele é rico em fibras, fonte de proteínas e possui em sua composição substâncias antioxidantes, que agem no nosso organismo reduzindo os riscos de desenvolver alguns tipos de câncer e doenças degenerativas”, comenta a nutricionista.

E os benefícios da comidinha não param por aí: por ser abundante em potássio, vitaminas do complexo B, zinco e outros nutrientes, o feijão também contribui na construção e reparação muscular, regulação da pressão arterial e reforço do sistema imunológico.

Como preparar o feijão para o bebê

Embora a introdução possa começar logo cedo, isso não significa que ela não envolva alguns cuidados. A especialista orienta que em um primeiro momento a leguminosa seja oferecida levemente amassada com garfo ou em bolinhos para que o bebê leve à boca.

Já para os pais que preferirem tomar doses extras de cuidado com o engsgo, a nutricionista Adriana Stavro indica que esperem até o filho completar os oito meses e apresentem o alimento para o pequeno na seguinte ordem: caldo, depois o grão amassado e, por fim, os grãozinhos inteiros.

Sobre o preparo, o passo a passo envolve lavar bem o feijão em água corrente e depois deixá-lo de molho por pelo menos de oito a 12 horas. Em seguida, basta colocar o alimento em uma panela – pode ser de pressão, para cozinhar mais rápido – com o dobro de água e, depois de “pegar” pressão, manter em fogo baixo por mais 20 minutos ou até amolecer.

Outra dica preciosa, de acordo com a nutricionista, é adicionar ½ suco de limão para remover as substâncias que causam gases e que podem fazer com que o bebê tenha algum tipo de indigestão.

  • Pode temperar?

    Na hora de dar mais gostinho ao feijão, a orientação pode variar. Adriana recomenda não utilizar tempero no preparo das refeições do bebê até o primeiro ano de idade, para que ele tenha contato com o sabor natural dos alimentos.

    Mas se a ideia for cozinhar o grão para a família inteira e não quiserem abrir mão de uma pitadinha de sabor, Luciana aconselha que os pais apostem em temperos frescos, como cebola, alho, legumes, verduras e, se for o caso, carnes magras.

    Existe um melhor tipo de feijão para as crianças?

    Passeando pelos corredores do mercado, você já deve ter visto que existe uma grande variedade de tipos de feijão. Com sabores e propriedades um pouco diferentes, o único que Adriana recomenda deixar de lado no início é o branco.

    “Algumas leguminosas possuem maior quantidade de fibras em sua composição, como o feijão branco, formando mais gases intestinais. Por isso, sugiro evitar este grão até pelo menos um ano de idade. Após este período, fazer remolho de 12 horas e retirar toda a casca antes de oferecer ao bebê”, indica ela.

    Continua após a publicidade
  • Veja 3 receitinhas deliciosas com feijão:

    * Consulte o pediatra para confirmar se os alimentos a seguir estão liberados na dieta do pequeno. 

    1. Feijão com legumes

    Ingredientes:

    • 1 xícara de feijão carioca (deixar de molho cerca de 12 horas com vinagre ou gotinhas de limão);
    • 2 litros de água;
    • 1 cebola;
    • ½ pimentão verde;
    • 3 dentes de alho;
    • 1 punhado de coentro, cebolinha ou outro tempero de seu gosto;
    • Legumes de sua preferência
    • Sal a gosto

    Modo de preparo:

    Em uma panela, refogue a cebola, o alho, o pimentão e outros temperos de sua preferência. Após refogar, acrescente um pouco de água e bata no liquidificador até virar uma pasta.

    Junte o feijão e a pasta em outra panela e cozinhe até os grãos amolecerem. Por último, acrescente os legumes e deixe cozinhar mais um pouco. Lembre-se que no início o ideal é oferecer os grãos levemente amassados para a criança.

    2. Bolinho de feijão

    Ingredientes:

    • 2 xícaras de feijão (não esqueça de deixá-lo de molho na água da noite para o dia);
    • 1/4 xícara de caldinho do feijão;
    • 1/4 xícara de farinha de arroz;
    • 1 colher de sopa de farinha de linhaça;
    • 3 colheres de sopa de azeite;
    • Farinha de quinoa,amaranto ou aveia para empanar (use da sua preferência)
    • Salsinha e cebolinha a gosto.

    Modo de preparo:

    Misture bem todos os ingredientes (se a massa ficar muito dura, acrescente um pouco mais de água e, se ficar muito mole, acrescente mais farinha de arroz). Faça bolas do tamanho de almôndegas e empane a mistura com farinha de quinoa, farinha de amaranto ou farinha de aveia. Pré-aqueça o forno a 180ºC. Em uma assadeira untada com azeite, coloque as bolinhas e asse até dourarem.

    3. Nuggets de feijão carioca

    Ingredientes:

    • 2 xícaras de feijão carioca cozido e amassado
    • 3 “ovos” de linhaça (3 colheres de sopa de linhaça hidratadas em 30 colheres de sopa de água) hidratadas por 15 minutos.
    • 1 xícara de aveia em flocos médios
    • 1 colher sopa de cúrcuma
    • 1 colher de chá de páprica doce
    • Suco de ½ limão
    • Farinha de arroz integral

    Modo de preparo:

    Cozinhe o feijão até que esteja macio. Bata no liquidificador os “ovos” de linhaça com o feijão. A massa vai parecer meio líquida, mas é assim mesmo. Leve essa mistura a uma panela antiaderente e junte a aveia. Misture com uma espátula até a massa desgrudar do fundo da panela. Coloque os demais temperos e misture bem. Espere esfriar e em seguida molde os nuggets. Empane na farinha de arroz integral e leve ao forno para dar uma leve dourada.

    *Receitas sugeridas pelas nutricionistas Luciana Nunes e Adriana Stavro

    Continua após a publicidade
    Publicidade