Signo do bebê: conheça as características do filho de peixes

Sensíveis, altruístas e, às vezes, um pouquinho dramáticos... Saiba o que esperar do pequeno pisciano e como tirar de letra suas dificuldades!

Por Flávia Antunes Atualizado em 22 fev 2021, 11h48 - Publicado em 20 fev 2021, 10h00

Separem os materiais de pintura e os instrumentos musicais, pois chegou a hora dos piscianos brilharem! Sim, os pequenos nascidos entre 18 de fevereiro e 20 de março – data que pode sofrer sutis modificações de acordo com o ano – têm fama de artistas e se dão bem com atividades manuais, em parte pela sensibilidade aflorada típica dos signos do elemento Água.

Segundo a astróloga Vivi Pettersen, esse lado emocional acompanha a criança em todos os âmbitos da vida, fazendo com que tenha sentimentos intensos e consiga captar sinais que poucos percebem. “Peixes é considerado o signo mais evoluído do zodíaco, porque são pessoas extremamente intuitivas e capazes de enxergar o interior do outro de forma mais sensível”, diz ela.

Às vezes, porém, a reação às emoções se manifesta de forma desmedida, fazendo com que o pequeno seja considerado um pouquinho dramático ou chorão. “Embora seja amável e geralmente não tenha problemas de relacionamento, o drama faz parte de sua vida, assim como do signo de Leão”, afirma a astróloga.

Altruísmo é também uma característica deles, que tendem a se doar ao extremo para satisfazer as vontades do outro e vê-lo bem. Só vale os pais ficarem atentos para que essa virtude do filho não acabe o atrapalhando e para que suas relações sejam recíprocas. “Ao longo do tempo, é importante trabalhar essas questões, para que ele não esteja sempre no papel do doador e aprenda a receber também”, aconselha Vivi.

  • No mundinho da lua…

    E quem se lembra da Dory, a peixinha distraída do filme “Procurando o Nemo”? A astróloga lembra que é frequente encontrarmos brincadeiras na internet comparando a personagem com as pessoas deste signo, que são esquecidas naturalmente. “E não é por maldade, é apenas porque o pisciano se concentra apenas no que considera importante. Sua compreensão do mundo se dá de forma simples, o que pode fazer com que ele ache bobeira o que muitos dão importância”, explica.

    Uma última particularidade das pessoas de Peixes é a afinidade com o inconsciente. “Elas têm muita facilidade em lembrar dos sonhos e ter espécies de premonições, além de se relacionarem muito bem com o lúdico e com a fantasia. Aliás, dizemos que tudo aquilo que não conseguimos ver e sentir conscientemente é regido por esse signo”, esclarece Vivi.

    Continua após a publicidade
  • Conselhos para os papais de piscianos! 

    Embora a sensibilidade seja típica da criança deste signo, nem sempre ela tem facilidade em demonstrar o que sente. Por isso, os pais podem dar uma mãozinha, incentivando o filho a falar mais sobre o assunto e a expressar suas emoções – inclusive através da arte, seja ela plástica, teatral, musical e entre outras. “É algo que os pais devem investir e insistir, inclusive porque o pisciano tende a fugir para não lidar de cara com a dor”, ressalta a astróloga.

    O excesso de fantasia e de estar constantemente no “mundo da Lua” também devem ser observados e pontuados pela família, mostrando ao pequeno a importância de ter os pés no chão de vez em quando. “Ele tem que entender que tudo bem vivermos esse lado lúdico, mas que existe a realidade – a parte responsável e mais séria – e temos que lidar com ela”, finaliza Vivi.

    Se você gostou de saber mais sobre as características do seu bebê guiadas pelos astros, não esqueça de compartilhar esta mensagem do próprio pisciano para toda a família! 💜♓️

    View this post on Instagram

    A post shared by Bebê.com.br (@sitebebe)

    Continua após a publicidade
    Publicidade