Paulo Gustavo conta sobre ser pai depois de um aborto: “A gente renasceu”

Em reportagem do 'Fantástico', o humorista e seu marido Thales contaram sobre a longa jornada até o nascimento dos filhos Gael e Romeu.

Por Flávia Antunes Atualizado em 7 out 2019, 16h39 - Publicado em 7 out 2019, 16h16

Alguns mudam de país para tentar carreira, outros para recomeçar… A motivação do ator e comediante Paulo Gustavo foi um pouco diferente: ser pai. Casado há quase quatro anos com o dermatologista Thales Bretas, ele partiu com o marido para Los Angeles com a intenção de alcançar a tão sonhada paternidade.

Te explicamos melhor: acontece que, no Brasil, não existe barriga de aluguel, apenas barriga solidária – quando um parente de até quarto grau cede o útero para a pessoa que quer ter filho. Isso torna o processo mais complicado para casais homossexuais que queiram bebês não-adotivos.

Sendo assim, a decisão de Paulo e Thales foi viajar para os Estados Unidos, país onde a barriga de aluguel é permitida na maioria dos estados. Mas esse foi apenas o primeiro passo.

O casal investiu inicialmente em uma única pessoa, que gestaria seus dois filhos ao mesmo tempo. Os pequenos se chamariam Gael e Flora. Com 21 semanas de gestação, porém, o sonho foi interrompido: a mulher sofreu um aborto e perdeu os gêmeos.

Paulo anunciou o ocorrido em suas redes sociais, no final de 2017, com muito pesar. “Gostaria de dividir com vocês um momento super difícil! Na semana passada, a mamãe de aluguel entrou em trabalho de parto no meio da gestação, quando os bebes ainda não eram viáveis!”, disse.

O ator agradeceu o apoio, revelou que ele e o marido estavam muito tristes, mas afirmou que não perderiam a esperança. “Eu e Thales somos muito jovens, saudáveis e nos amamos muito! Portanto, vamos começar tudo de novo ano que vem! Seremos pais, mas um pouco mais pra frente!”, postou.

Em reportagem do Fantástico, exibida no domingo (6), Paulo se emocionou ao relembrar do episódio. “A cada momento na rua, a cada lugar que a gente entrava, alguém falava ‘e seus filhos?’, e tínhamos que responder ‘a gente perdeu”, contou.

Depois de passado o sofrimento, o casal seguiu com a promessa e decidiu tentar novamente. Desta vez, à distância e com duas barrigas de aluguel diferentes. “A gente pegou óvulos de uma doadora, de um banco de óvulos, e fez os embriões – com o meu esperma e com o esperma do Paulo”, explicou Thales.

Enquanto seguiam suas vidas no Brasil, o casal acompanhava a dupla gestação que acontecia em solo norte-americano, na Califórnia.

  • Mais uma vez, um susto. Enquanto o humorista se preparava para entrar em cena com sua mãe, Déa Lúcia, na peça de sucesso “Filho da Mãe”, que estrelaria em Curitiba, recebeu a notícia de que o primeiro filho, Romeu, havia nascido. “Vamos fazer esse show, mãe. Em homenagem ao Romeu, tem que dar tudo certo”, disse ele naquele momento.

    A partir daí, foi só correria. Paulo e Thales fizeram as malas e o hospital virou sua segunda casa durante onze dias. Isso porque o menino chegou ao mundo antes do esperado, com 35 semanas, e foi para a UTI neonatal devido a complicações respiratórias.

    Continua após a publicidade

    O casal contou que até mesmo as enfermeiras se espantavam com a dedicação dos pais de primeira viagem e recomendavam repouso. “A gente não quer descansar, queremos ir embora com ele”, é o que respondiam.

    A dificuldade do pequeno Romeu para ingerir o leite fazia com que a alta demorasse ainda mais para chegar. “Ele tinha que mamar 50 ml para ir embora. E ele mamava 7, 8, 12…”, conta o comediante.

  • O segundo filho, Gael, nasceu três dias depois que seu irmão chegou em casa. A notícia foi divulgada com entusiasmo por Paulo e Thales em seus respectivos perfis no Instagram. “Queremos viver e aproveitar ao máximo cada momento, cada passo, cada conquista de nossos filhos e nossa, enquanto casal e família”, escreveram.

    O saldo, no final, foi bastante positivo. “Muda tudo, né? Parece que a gente renasceu”, declarou o ator.

     

    Um novo papel na carreira de Paulo: o de pai

    Quando questionado pela repórter sobre a paternidade, Paulo brincou. “É uma delícia, mas eu estou virando Dona Hermínia já, né?”, em referência à personagem que interpretou nos filmes da franquia “Minha Mãe é Uma Peça”.

    Aliás, o ator aproveitou sua temporada em Los Angeles para gravar cenas exclusivas do terceido longa metragem, com estreia marcada para dia 26 de dezembro de 2019.

    Thales também parece estar curtindo o novo papel. Olha que clique mais fofo alimentando o filhote!

    Continua após a publicidade
    Publicidade