É verdade que o tamanho dos seios influencia na amamentação?

Sejam eles grandes ou pequenos, o tamanho dos seios não parece ser decisivo nem na produção de leite materno e nem na pega correta. Saiba mais detalhes!

Um dos temas campeões de dúvida no pós-parto é a amamentação. Não é fácil, demanda aprendizado e para muitas mulheres não é tão intuitivo quanto nossas mães e avós diziam. Muitas questões surgem logo na primeira mamada e uma delas é se o peito vai dar conta. Será que um seio pequeno produzirá leite suficiente? Será que uma mama maior pode prejudicar a pega do bebê?

Então respira fundo que consultamos uma especialista para te ajudar! Afinal, é verdade que o tamanho dos seios influencia na amamentação?

“Não!”, garante a Dra. Monique Novacek, ginecologista e mastologista da Clínica Mantelli. “As mamas são constituídas por glândulas, gordura e músculo. O que define o tamanho dos seios é o tecido gorduroso, e ele não possui relação com a produção do leite”, ressalta ela.

De acordo com a médica, quem é responsável pela produção e armazenamento do leite são as glândulas mamárias, e elas são preparadas para o processo durante todo o período gestacional. “A produção do leite está relacionada a diversos fatores, como estímulo hormonal, ingestão de água e o estado emocional da mulher. Ela se adequa às necessidades do bebê, de acordo com a demanda dele”, explica.

Em relação à pega, Monique afirma que o tamanho dos seios também não desempenha um papel decisivo. Segundo ela, o que vai garantir que o bebê esteja bem posicionado e fazendo a sucção correta é a orientação durante todo o pré-natal e principalmente durante a amamentação. “Peça ajuda ao seu obstetra, a enfermeiras ou consultoras de amamentação”, recomenda a mastologista.

Além de auxílio especializado, alguns macetes podem ser úteis para as mulheres que estão fazendo o aleitamento pela primeira vez. “Uma ótima dica para quem tem seios grandes é apoiar a mama enquanto amamenta. Enrole uma toalha e coloque-a abaixo do seio, ou então um cobertor ou almofada que faça esse suporte, facilitando a pega correta”, indica ela.

Precisando de mais ajuda? A Dra. Monique separou mais três estratégias que podem ser úteis. “Descubra posições confortáveis para você e seu bebê; ordenhe leite antes da mamada caso os seios estejam ingurgitados (obstruídos); e evite segurar os seios com a mão em forma de tesourinha, pois isso pode bloquear a saída do leite”.

Se ainda sim a amamentação estiver complicada, algumas orientações podem facilitar o processo. Agora, se o problema for com a escassez do leite materno, vale dar uma conferida nestas 12 dicas para aumentar a produção.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s