Mãe dá à luz no jardim de casa e compartilha vídeo do parto no YouTube

"Uma mulher parece uma mulher. É coisa mais natural do mundo. Eu não acho estranho", comentou a mãe ao falar sobre a exposição da gravação.

Ter um parto fora do hospital é o desejo de algumas mulheres, mas e quando a mãe decide dar à luz no jardim da própria casa? Foi essa a decisão que Sarah Schmid, que tem 6 filhos, tomou no nascimento do seu caçula. Sozinha, ela se apoiou no escorregador e na cama elástica do quintal quando as contrações chegaram e resolveu pedir a ajuda do marido apenas para filmar o processo.

O registro foi compartilhado no YouTube em setembro de 2016, mas a gravação voltou a circular na internet nas últimas semanas, gerando grande repercussão. E o que mais causou espanto nas pessoas foi o fato da alemã, que atualmente mora na França, dar à luz sem contar o auxílio de profissionais – como médicos, enfermeiros ou parteiras.

Os filhos mais novos de Sarah e do marido, Tim, acompanharam parte do processo e três deles estiveram presentes no momento em que o irmão nasceu. Apesar do espanto de muitos internautas, essa não foi a primeira vez que a mãe teve um parto fora de uma maternidade: um de seus pequenos nasceu na sala da casa e o outro em uma floresta da Suécia.

Em entrevista ao jornal The Sun, ela contou que estudou medicina, mas que atualmente exerce a maternidade em tempo integral. Segundo a alemã, foi a experiência em hospitais que a fez perceber que queria ter os seus filhos naturalmente – sem nenhum tipo de intervenção. “Li muito sobre parto. Tentei aprender tudo o que eu achava que deveria saber”, comentou.

Veja também

Questionada sobre o fato de expor o seu parto na internet, ela ressaltou que não liga para as críticas. “Uma mulher se parece com uma mulher. É coisa mais natural do mundo. Eu não acho estranho. Nas culturas antigas, as meninas viam as mães darem à luz para saber como era. Agora, a chance de fazer isso é muito pequena. Isso dá para as pessoas a possibilidade de ver um nascimento e, especialmente, um nascimento sem intervenções”, afirmou.

Veja abaixo o vídeo na íntegra:

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s