São Paulo paralisa aulas gradualmente a partir de segunda-feira (16)

Já a suspensão completa das atividades escolares acontecerá a partir do dia 23 de março. Entenda o porquê das datas diferentes.

Por Alice Arnoldi Atualizado em 22 Maio 2020, 11h31 - Publicado em 14 mar 2020, 12h17

Na sexta-feira (13), o governo de São Paulo, em conjunto com o Ministério da Saúde e a prefeitura do estado, anunciou que as aulas nas escolas estaduais e municipais serão gradualmente paralisadas a partir de segunda-feira (16) em decorrência do coronavírus.

Isso significa que as instituições estarão abertas na próxima semana para que famílias possam tirar dúvidas de como se prevenir da doença e consigam se programar para a suspensão completa das aulas que acontecerá a partir do dia 23 de março.

  • A explicação do governo sobre a paralisação gradual e não de uma semana para a outra é que, dessa forma, as famílias conseguirão se organizar melhor com a nova rotina de ter os baixinhos em casa. Especialmente para que eles não sejam deixados aos cuidados dos avós, já que idosos fazem parte do grupo de risco da doença.

    O mesmo pedido de paralisação foi estendido para as escolas particulares, que devem ir adotando e anunciando a medida para os pais gradativamente.

  • Por enquanto, não há nenhuma previsão de quando as atividades serão normalizadas nas instituições. O aviso do governo foi apenas que essa possibilidade será avaliada de momento em momento e com um diálogo direto com as famílias.

    Continua após a publicidade
    Publicidade