Quanto custa uma Barbie ao redor do mundo?

Saiba onde a boneca é vendida a preços acessíveis e em quais países comprar uma Barbie pode pesar no bolso da família.

Mesmo com uma ampla gama de brinquedos disponíveis no mercado, alguns nunca perdem o posto de queridinhos das crianças, né? A Barbie é um claro exemplo disso. Desde 1959, quando foi lançada, a boneca já teve muitas versões, profissões e repaginações. Fato é que, clássica ou desconstruída, ela continua firme entre os itens de desejo de várias gerações.

Embora a presença seja constante ao longo dos anos, uma coisa muda: o preço. E se no Brasil encontramos exemplares com diferentes valores, já imaginou ao redor do globo?

Um estudo da plataforma Picodi.com resolveu matar a nossa curiosidade e pesquisar a média de preços da Barbie Sereia em 50 países diferentes! Spoiler: tem desde as mais acessíveis até as que podem pesar no orçamento dos pais. 

O relatório foi baseado em lojas de varejo online locais sem incluir descontos temporários. Para conversão de moeda, adotou-se a média de câmbio do real para maio de 2019.

 (Picodi/Reprodução)

 (Picodi/Reprodução)

Vamos começar pelo pódio! O lugar onde a boneca custa mais caro é em Singapura. Lá, um exemplar pode chegar a altíssimos R$221 😱. Em seguida, temos o Emirados Árabes Unidos, com valor equivalente a R$208 e, em terceiro lugar, a Arábia Saudita, onde a Barbie é vendida por R$167.

Já entre os países em que o brinquedo é vendido mais barato (anotem aí para o próximo destino de viagem, papais 😂) temos o México, onde custa R$71, seguido pela Eslováquia e a Austrália – onde o valor atinge R$78 e R$85, respectivamente.

O Brasil está em um meio termo no ranking. Aqui, a Barbie Sereia costuma a ser encontrada nas lojas por R$102.

Lego também entrou na pesquisa!

O levantamento também comparou as médias de preço do brinquedo Lego, outro hit entre a criançada. A Caixa de Lego Clássica (com 484 peças) custa em torno de R$249 no Brasil, valor que não difere muito do praticado em outros países da América do Sul. Os preços mais baixos foram encontradios na França e nos Estados Unidos, R$105 e R$107.

Mas a variação é grande ao redor do mundo. A mesma caixa de Lego é três vezes mais cara em países como Peru ou Colômbia (R$322 e R$316 respectivamente). Dá pra acreditar?

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s