Homem trans dá à luz após inseminação com esperma de mulher trans

Reuben Sharpe e Jay, seu parceiro não-binário, fizeram o teste de gravidez cinco vezes, pois não acreditavam que conseguiram engravidar.

Representatividade importa! Em uma conversa sincera com o Mirror, o britânico Reuben Sharpe contou como foi sua trajetória para dar à luz seu filho Jamie sendo um homem trans, isto é, que nasceu com o corpo feminino, mas se reconhece como homem.

Reuben tem 39 anos e começou a transicionar há 12, quando tinha 27 anos. Para isso, ele começou a fazer uso de testosterona (hormônio sexual masculino) e a ganhar características consideradas masculinas como a voz mais grossa, feições mais marcantes e barba. Entretanto, em meio a esse processo, a vontade de engravidar continuou marcando presença em sua vida.

Com a vontade de ter um filho biológico, Reuben decidiu parar com a testosterona há seis anos na esperança de engravidar e descobriu que era possível, pois ele ainda tinha os ovários e trompas. Nesse meio tempo, ele conheceu Jay, seu parceiro não-binário.

Ao perceber que estava envolvido com ele, mas também estava trabalhando para ter um filho, Reuben decidiu conversar com o namorado. Para a sua surpresa, o parceiro não só estava aberto à ideia como mostrava querer criar o primogênito do mesmo jeito que o britânico.

Mesmo com a tranquilidade de estar com tudo alinhado entre o casal, Reuben enfrentou outros desafios: precisou passar por inúmeros exames de níveis hormonais e de fertilidade. Até que a sua menstruação veio pela primeira vez depois de seis anos em pausa. “Foi um alívio tão grande, mas foi estranho também. Só que eu sabia que era o começo de algo que eu tanto queria”. 

Em seguida, o casal começou a procurar por doador e encontrou uma mulher trans que ainda produzia esperma. Eles a contataram pelo Facebook e a doação aconteceu. O processo escolhido para engravidar foi a inseminação intrauterina, que é quando os espermatozoides são colocados no fundo do útero durante o período da ovulação e espera-se pela fecundação.

Na primeira tentativa, a fertilização não deu certo, mas o sonho veio a se realizar na segunda. Sem muita esperança, Reuben fez um teste de gravidez e foi escovar os dentes. Repentinamente, ele foi surpreendido pelo parceiro gritando ao descobrir que havia dado positivo. Eles repetiram o teste mais cinco vezes, pois não conseguiam acreditar que tinham conseguido.

O pequeno Jamie nasceu há três meses, de cesariana. O casal desejou que o nascimento fosse por meio do parto normal, mas não foi possível. Agora, o objetivo é que o primogênito cresça sem ser uma atração – como muitas vezes, Jay e Reuben se sentiram na maternidade – dentro dos grupos sociais em que ele está inserido.

 (gofundme/Reprodução)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s