30 famosos que apoiaram Titi, filha de Gioh Ewbank e Gagliasso

Ivete Sangalo, Xuxa, Thais Fersoza, Daniela Mercury e Giovanna Lancellotti são algumas das celebridades que defenderam a família.

No último sábado, 25, viralizou na internet um vídeo em que a socialite Day McCarthy ataca a pequena Titi, fazendo comentários racistas e afirmando que a menina é uma “macaca horrível”. No mesmo final de semana, os pais Bruno GagliassoGiovanna Ewbank usaram as redes sociais para avisar que estavam tomando medidas legais para proteger a filha e agradecer o carinho recebido. Além dos fãs, artistas se solidarizaram com a família e resolveram mostrar isso publicamente – compartilhando mensagens de apoio e reflexões sobre o racismo e o discurso de ódio. Confira:

1. Ivete Sangalo: a cantora, que é mãe do Marcelo, de 8 anos, e está grávida de duas meninas, deixou uma mensagem no Instagram. “‘O amor que hoje eu levo dentro do meu peito é o meu maior presente’. O amor vencerá sempre”, escreveu a artista.

2. Camila Pitanga: a mãe da Antonia, de 9 anos, repostou a frase de uma filósofa americana compartilhada por Bruno Gagliasso, pai da pequena Titi. “Angela Davis tão necessária. Pratiquem”, afirmou a atriz.

3. Regina Casé: a apresentadora postou um vídeo em que Titi aparece brincando com o seu filho mais novo, Roque, e outro amiguinho. Na legenda, ela escreveu: “Seguimos juntos de mãos dadas com muita força, coragem e amor! Contem sempre conosco”.

4. Thais Fersoza: a mãe da Melinda e do Teodoro também se pronunciou nas redes sociais compartilhando a mensagem de Giovanna Ewbank. “A.M.O.R, que seja uma luta e uma busca de todos nós”, comentou a atriz.

5. Yanna Lavigne: que a atriz, que deu à luz Madalena em maio deste ano, usou as redes sociais para protestar contra o racismo. “Gostaria de lembrar que estamos em 2017, quase em 2018 galera”, lembrou a artista.

Gostaria de lembrar que estamos em 2017 quase em 2018 galera!

A post shared by Yanna Lavigne (@yannalavigne) on

6. Xuxa Meneghel: a apresentadora postou uma montagem com a Rafinha, filha de Tici Pinheiro e Roberto Justus, e Titi. “Uma pessoa disse coisas horrorosas desses dois anjos… Na boa, isso não pode ficar impune”, advertiu.

7. Luan Santana: ele compartilhou uma foto da garotinha e disse que quer conhecê-la. “O anjo desceu do céu, encontrou um lar e se disfarçou de bailarina”, escreveu o cantor.

8. Fernanda Paes Leme: a atriz, que é amiga pessoal da família, declarou publicamente a sua solidariedade. Na legenda, ela escreveu: “Combate-se o ódio com amor e aqui tem de sobra. Lutemos, lado a lado, por um mundo melhor”.

9. Giovanna Lancellotti: a atriz namora o artista plástico Gian Luca Ewbank, tio de Titi e irmão de Giovanna e está sempre com a família da pequena. Nas redes sociais, ela publicou uma importante reflexão: “O discurso de que o Brasil é um país multirracial não invalida o fato de que ainda assim somos um país racista. Nossa população negra é originária de um regime escravocrata, que foi o último a ser abolido nas Américas”.

Diogo Cintra foi espancado no metro de SP por ser negro, o TED de Tais Araújo foi descontextualizado e ironizado, pessoas saem em defesa de um jornalista importante flagrado com uma atitude racista. A cada 100 pessoas assassinadas no Brasil, 71 são negras. Segundo a Anistia Internacional, dos 56 mil homicídios que ocorrem por ano no Brasil, mais da metade são entre os jovens. E dos que morrem, 77% são negros. O discurso de que o Brasil é um país multirracial não invalida o fato de que ainda assim somos um país racista. Nossa população negra é originária de um regime escravocrata, que foi o último a ser abolido nas Américas. Alguns brancos podem argumentar: “mas o meu bisavô também veio para o Brasil sem nada e conseguiu reconstruir a sua vida”. Esse bisavô não era considerado uma propriedade, não veio raptado, forçado e escravizado, impedido de ter educação, seus filhos também não foram tidos como propriedade e escravizados e provavelmente teve muitas vezes o apoio do governo para essa vinda e estabelecimento, favorecido por vários programas oficiais após a abolição da escravidão. Isso é, sem dúvidas, um privilégio branco. Esse texto do Criesp tem outros exemplos que ilustram bem os privilégios: • Ninguém dúvida da minha capacidade intelectual ou profissional. • A primeira coisa que as pessoas reparam em mim não é a minha cor. • Ninguém me olha feio se eu usar o elevador social num prédio que eu não moro. • Quando entro num supermercado ou numa loja, as pessoas não ficam de olho em mim. • Se eu faço alguma coisa errada, as pessoas vão julgar que esse foi um erro individual, não um erro do meu grupo. E muito menos por causa da minha cor. • Vou viver mais: minha expectativa de vida é maior do que a de um negro • Numa entrevista de emprego, o entrevistador é quase sempre da mesma cor que eu. • Não me sinto responsável pelo que meus antepassados brancos fizeram contra os negros. Mas acho que os negros de hoje são responsáveis pelo que seus antepassados fizeram contra sua própria raça. • Nunca fui comparada com um macaco. • Todos os presidentes do meu país foram da minha cor. • Ninguém muda de calçada ao me ver. Racismo é CRIME!!!

A post shared by Giovanna Lancellotti (@gilancellotti) on

10. Sergio Malheiros: o ator cobrou justiça e desejou paz para a família enfrentar esse momento. “Fiquei profundamente abalado vendo uma criança tão linda ser atacada pela falta de humanidade e burrice de alguns poucos sem amor… Triste e lamentável que em 2017 ainda tenhamos que ouvir esse tipo de coisa”, escreveu Sergio.

11. Flávia Alessandra: a mãe de Giulia, de 17 anos, e Olivia, de 7, repostou a frase de Angela Davis. Ela ainda comentou: “Somos todos Titi”.

12. Daniela Mercury: ao publicar uma foto antiga da pequena, ela não poupou elogios. “Essa Titi Gagliasso é mesmo ‘maravilinda’! Toda fashion sempre”, escreveu a cantora.

13. André Marques: o apresentador também fez uma postagem expressando a indignação com o caso. “Amor, paixão, doçura, afeto não tem idade, nem tempo, nem cor. Que algum dia na vida Deus deixe uma pessoa pobre de espírito, infeliz, talvez receber esse sorriso cheio de luz”, comentou o ator.

14. Carolina Dieckmann: ao publicar uma foto da pequena Titi, a atriz afirmou que a garotinha é uma coisa linda de Deus.

coisa linda de Deus ❤️ #titi

A post shared by carolina dieckmann 🅰️➕ (@loracarola) on

15. Roberta Rodrigues: ela deu à luz sua primeira filha, Linda Flor, em fevereiro, e aproveitou para deixar uma reflexão sobre os ataques de ódio que Titi recebeu. “O AMOR – esse que muda o MUNDO, esse que transforma VIDAS, esse que não distingue o ser humano por CLASSE ou RAÇA O AMOR, que une todos numa só LUTA. O AMOR sempre VENCE “, comentou a atriz.

16. Erika Januza: a atriz, que está atuando na novela da Globo “O Outro Lado do Paraíso”, afirmou que, muitas vezes, o amor e a felicidade incomodam. “Triste são os ignorantes que gastam seu tempo e energia para diminuir seu semelhante. Semelhante sim. Somos todos humanos. O que nos diferencia é o caráter”, escreveu a artista.

17. João Bosco: o cantor compartilhou um texto de Elisa Salles para destacar a importância de combater o racismo. “Não há esta história toda de preconceito racial. Não há lugar mais para estas discussões. Não faz mais a mínima diferença de que cor somos! Somos almas e isso basta”, disse o sertanejo.

18. Marilia Mendonça: a cantora estendeu o debate para falar sobre as outras famílias que enfrentam várias formas de preconceito. “Quantos sofrem calados e acreditam em toda essa baboseira”, destacou.

19. Adriane Galisteu: ela postou imagens de Titi e da família reunida. Na legenda, a apresentadora destacou uma frase de Haile Selassie: “Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos haverá guerra!”.

20. Fernanda Souza: a atriz também postou uma mensagem em solidariedade aos pais. “Sim, Bruno Gagliasso, o Brasil está com você, Gio Ewbank e seu anjo Titi”, escreveu Fernanda.

21. Luisa Mell: a apresentadora fez uma postagem para ressaltar a importância das crianças serem educadas para não tolerar o racismo. Ela ainda comentou a sua experiência com o filho de 2 anos: “Falei para o Enzo sobre o quanto era lindo o cabelo de trancinhas de uma moça negra que ele viu e ele me respondeu: ‘lindo mesmo mamãe!’. Porque ninguém nasce racista. Se aprende. Se aprende diariamente, mesmo que sutilmente”.

“Em uma Sociedade Racista, não basta não ser racista. É preciso ser antiracista” Angela Davis. Eu cresci ouvindo que o Brasil não tinha racismo. Mas sempre ouvi de todos os lados: cabelo de preto é cabelo ruim. Aprendi na escola, do país que dizem n ser racista que o lapis de cor nude é o lapis cor da pele. Há alguns anos, fui em uma loja enorme e famosa de brinquedos, na rua Augusta, procurar uma boneca negra para dar para uma criança de presente. E acreditem… n tinha nenhuma! Chamei o gerente. Reclamei! Protestei! Há pouco tempo, voltei c o Enzo na mesma loja… e senti uma grande felicidade e até um pouco de orgulho, confesso, ao me deparar com algumas bonecas negras. Vcnão precisa ser a vitima para lutar contra uma injustiça! Falei para o Enzo sobre o quanto era lindo o cabelo de trancinhas de uma moça negra que ele viu… e ele me respondeu: lindo mesmo mamãe! Pq ninguém nasce racista. Se aprende. Se aprende diariamente , mesmo que sutilmente, a menosprezar o diferente. Uma sociedade racista é um sociedade doente, onde o ódio venceu o amor. Mas assim como se aprende a odiar, a menosprezar… se aprende tb a amar, a ter empatia e compaixão! Por isso, convoco todas as mães a lutarem contra o racismo. Convoco todas a ensinarem nossos filhos a amarem, a apreciarem o diferente… pq na verdade somos todos iguais! ##todoscontraoracismo#somostodosTiti

A post shared by Luisa mell (@luisamell) on

22. Isabeli Fontana: a mãe do Zion, de 14 anos, e do Lucas, de 11, mostrou a sua indignação nas redes sociais. “Surreal nos dias de hoje ainda haver racismo e desarmonia criada pelo ódio! Mais amor e mais respeito ao próximo”, afirmou a modelo.

23. Carol Trentini: a modelo, que é mãe dos pequenos Bento, de 4 anos, e Benoah, de 1 ano, também reproduziu a frase de Angela Davis compartilhada por Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank.

24. Grazi Massafera: a mãe da Sofia, de 5 anos, também postou uma reflexão. “AMOR = só tudo isso interessa”, comentou a atriz.

AMOR = só tudo isso interessa

A post shared by Grazi Massafera (@massafera) on

25. Carolina Ferraz: a atriz publicou uma foto de Titi com Giovanna e afirmou que a coisa mais linda do mundo é o amor. “Ele não tem raça e não tem cor. Família linda a de vocês”, disse a mamãe de Valentina, de 21 anos, e Isabel, de 2.

26. Carolina Kasting: a atriz e mãe de Cora, de 12 anos, e Tom, de 1, fez questão de falar sobre o amor que sente pelas pessoas que convive. “Vou falar de compaixão por sermos todos seres humanos e porque nascemos e morremos da mesma forma, mas existe um tipo de racismo que é abjeto, intolerável, que não é merecedor de pertencer a humanidade, deste eu não vou falar. É crime e deve ser tratado como tal”, ressaltou a artista.

27. Vanessa Giacomo: “Família linda. Mais amor, por favor. Racismo não”, publicou a mãe de Raul, de 9 anos, Moisés, de 7, e Maria, de 2.

28. Astrid Fontenelle: a apresentadora fez uma carta aberta para os pais da pequena Titi. “Muitos adultos covardes, ignorantes falarão coisas que machucarão muito, mas não se preocupem, seus pais são os mais fortes, corajosos e destemidos. Não nos intimidaremos jamais”, reforçou a mãe do Gabriel, de 9 anos.

Meus queridos @gio_ewbank e @brunogagliasso , mais uma vez venho aqui pra escrever uma carta aberta a Titi. Titi querida, alias, querida Titi, Gabriel, Roque, Henrique, Laura, Maria, Manoel, Mateus, Julia…. vocês são todos muito pequenos e estão crescendo em tempos difíceis. Parece até q a humanidade deu errado, mas vocês são a prova real que o AMOR nos salvará! Muitos adultos covardes, ignorantes falarão coisas que machucarão muito, mas não se preocupem, seus pais são os mais fortes, os mais corajosos, os mais destemidos. Não nos intimidaremos jamais. Não poderíamos ter formado famílias tão perfeitas e tão unidas! Em comum vocês tem a cor da pele e esses pais e mães aguerridos. Racistas não passarão e nós, a cada manifestação dessas de ódio espalharemos e exibiremos mais AMOR! Acreditem!!!! No AMOR!!! Giovana, te conheço e sei bem o quanto isso te fere. Mas erga a cabeça, sua filha é um caso sério de AMOR 💕

A post shared by astridfontenelle (@astridfontenelle) on

29. Ana Vilela: “Em um mundo onde o ódio às vezes fala alto, a sorte de quem ama é que o amor sabe gritar. Mandando energias positivas e muito amor pra essa coisinha linda”, escreveu a cantora.

30. Jorge Barcelos: o cantor da dupla Jorge e Mateus também postou uma frase de impacto para chamar a atenção para o caso.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s