Publicidade

Tudo sobre Vacinação Infantil

Enquanto Brasil ainda imuniza somente adolescentes acima dos 12 anos, vários países do mundo já iniciaram a vacinação de crianças menores.
Vacina-contra-covid-19-em-adolescentes
Saúde

Ministério da Saúde retoma vacinação de adolescentes sem comorbidades

Por Alice Arnoldi Atualizado em 23 set 2021, 12h37 - Publicado em 23 set 2021, 12h28
A imunização de jovens sem comorbidades contra covid-19 havia sido pausada após a morte de uma adolescente que recebeu a Pfizer/BioNTech.
O próximo passo da farmacêutica Pfizer/BioNTech é pedir o uso emergencial do imunizante para a FDA para que ele seja aplicado antes do início do ano letivo.
Vacina-contra-covid19
Saúde

Ministério da Saúde suspende vacinação de adolescentes sem comorbidades

Por Alice Arnoldi Atualizado em 16 set 2021, 13h03 - Publicado em 16 set 2021, 12h32
O órgão federal defende que ainda não se sabe com clareza os benefícios da vacinação contra covid-19 em jovens de 12 a 17 anos, sem doenças preexistentes
A expectativa é que a Pfizer/BioNTech apresente seus estudos ao FDA até o fim de setembro para o imunizante ser liberado à faixa etária já no próximo mês.
O estudo da farmacêutica Sinovac começa uma nova etapa, onde serão vacinados contra o covid-19 bebês e crianças até os 17 anos com duas doses do imunizante.
O país já estava fazendo a vacinação de adolescentes a partir dos 12 anos, com uso exclusivo da Pfizer/BioNTech.
Jovens entre 12 e 14 anos, sem comorbidades ou deficiências permanentes, poderão receber a primeira dose da Pfizer/BioNTech a partir do dia 6 de setembro.
Nesta fase da vacinação contra covid-19, serão imunizados adolescentes que tenham deficiências permanentes ou sejam gestantes ou puérperas.
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária explicou também que, por enquanto, não houve nenhum pedido de liberação da CoronaVac para o público infantil.
Publicidade