Os riscos de ter infecção urinária na gravidez

Conheça os tipos da doença e saiba como evitá-la.

Por Redação Bebê.com.br Atualizado em 11 jul 2017, 16h46 - Publicado em 1 jul 2015, 18h53

Quais os riscos de ter infecção urinária durante a gestação?

“Há três tipos de infecção urinária na gestação: a bacteriúria assintomática, com incidência de 5% e 10% das grávidas, dependendo da idade da mulher e se ela já teve episódios de infecção urinária antes; cistite e pielonefrite, que é um caso mais grave por se tratar de uma infecção dos rins, atingindo de 2% a 3% das gestantes. É importante tratar a bacteriúria assintomática porque ela pode evoluir para um quadro de pielonefrite em 25% a 40% dos casos, aumentando o risco de um parto prematuro. Ela pode ser detectada com um exame chamado urocultura, que mostra qual é a bactéria causadora do problema e que antibiótico tomar. As recomendações para evitar infecções urinárias são as mesmas para qualquer pessoa: manter-se hidratada, para a urina ficar clara, e não prender a micção. Também é aconselhável fazer higiene vaginal após a relação sexual, mas nada muito complexo: basta urinar e lavar a região com chuveirinho”, explica Patricia de Rossi, ginecologista obstetra do Conjunto Hospitalar do Mandaqui, em São Paulo, e especialista em uroginecologia.

Publicidade