Música da banda Fifth Harmony vira paródia sobre mães que cuidam sozinhas dos filhos

O vídeo é divertidíssimo e fala algumas verdades para os parceiros que não participam dos cuidados com os pequenos. Assista!

Você já deve ter ouvido alguma vez “Work from home”, hit da banda Fifth Harmony, que está no Brasil e se apresenta nas principais capitais do país até o dia 5 de julho. No clipe, Ally Brooke, Normani Kordei, Dinah Jane, Camila Cabello e Lauren Jauregui dançam de um jeito sexy em meio a homens que trabalham em uma construção. O vídeo e a música são tão contagiantes que têm feito sucesso no mundo inteiro – no YouTube já são mais de 590 milhões de visualizações!

Agora uma nova versão também está viralizando – ao menos nas redes sociais! É que o grupo americano JustBoobs Sketch, que produz esquetes semanais sobre o universo feminino, resolveu fazer uma paródia do hit da banda. O tema da vez? Maternidade! No vídeo, as quatro integrantes interpretam mães que ficam em casa sozinhas cuidando dos filhos – e estão exaustas! Na brincadeira, o cenário e as poses (sensuais) são semelhantes aos do clipe original, mas a letra da música é beeem diferente!  

As garotas do JustBoobs Sketch começam a reprodução falando que “a gaveta de fraldas está vazia” e que “ele [o bebê] não está vestindo nada”. Em outro momento, elas afirmam que mães são tão sexy quanto as cantoras do Fifth Harmony – mas estão muito mais cansadas! E mandam um recado para os pais: “Sei que você está sempre no escritório, mas não consigo ficar sozinha na hora da soneca. Prometo a você um pouco de diversão adulta, eu só preciso encontrar um pente”, alfineta uma parte da letra. 

A canção bem-humorada diz ainda que o homem pode trabalhar de casa e participar mais, já que o corpo da mulher fez todo o trabalho e ela precisa dar atenção também a outras áreas da vida, como a carreira, e ter tempo para se cuidar ou se divertir, além de descansar! Em uma das melhores partes da paródia, o quarteto canta: “As meninas do Fifth Harmony sabem ir atrás do que elas querem. Elas têm abdômen definido e nós temos barriga de bebê. Mas não importa porque amamos nossos corpos. Aquela cicatriz de cesárea nós chamamos de ‘marca do amor’. O peito dos homens ficam sexy em uma regata branca, os nossos ficam atraentes quando nos dividimos igualmente nas tarefas”.

Gostou? Assista ao vídeo:

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s