Como adiantar a preparação do lanche escolar do seu filho

Dicas para ganhar tempo na hora de preparar a lancheira, usando opções saudáveis e caseiras.

Montar a lancheira escolar diariamente pode virar um drama mexicano na família: o tempo é curto, as opções mais práticas nem sempre são as mais saudáveis, o filho não quer comer de tudo e muito menos a mesma coisa todos os dias. Para ajudar os pais, conversamos com pediatras e nutricionistas e descobrimos que é possível investir na organização e ganhar tempo na preparação dos lanches. Alguns alimentos realmente exigem preparo poucas horas antes do consumo, mas outros podem ser feitos antes. É possível, por exemplo, escolher um dia para a elaboração de alguns itens da semana, que serão guardados na geladeira ou congelados. Assim, a cada dia da semana, você terá apenas que fazer o complemento e não um lanche completo!
 
É preciso apenas tomar cuidado com a durabilidade de cada alimento. Alguns duram bastante tempo na geladeira ou no freezer, enquanto outros perdem suas qualidades. Segundo o pediatra Marcelo Reibscheid, criador do portal Pediatria em Foco, o perigo é a intoxicação alimentar. Para que isso não ocorra, fique atento às dicas dos especialistas.
 
Abaixo você encontra um cardápio semanal completo e balanceado, criado pela nutricionista Karine Durães. Em seguida, mostramos exemplos de como os lanches da semana podem ser antecipados em um dia, baseados nesse cardápio, de forma a aproveitar a durabilidade de cada ingrediente sem que ele perca suas qualidades ou ofereça perigo. Escolhemos o domingo por ser um dia que a maioria das pessoas tem tempo livre, mas você pode escolher o que for mais adequado para sua família. “Sugiro separar 2 horas para cozinhar, mas as receitas feitas nesse dia podem ser utilizadas em mais de uma semana, diminuindo o tempo de dedicação no próximo fim de semana”, diz Karine.

Cardápio semanal

Segunda
Ovos de codorna com tomate cereja
Iogurte
 
Terça
Biscoitos com formato de palito com pasta de ricota
Salada de frutas
 
Quarta
Torta salgada de legumes
Suco natural de abacaxi
 
Quinta
Barra de cereal caseira
Maça
Água ou suco natural da preferência da criança
 
Sexta

Bolo caseiro de banana
Suco natural de manga

Como antecipar a preparação das bebidas

Sucos: para ganhar tempo com os sucos naturais, faça todos no domingo. Bata as frutas no liquidificador formando um creme. Coloque em formas de gelo, separando os sabores e deixe no congelador. No dia do lanche, separe as pedrinhas de fruta correspondente ao suco da vez e coloque na garrafinha térmica com água ou pedras de gelo, dependendo da diluição desejada. Quando chegar na hora do lanche é só a criança ou o professor mexer e acrescentar mais água se necessário.
 
Iogurte:
você pode comprar pronto – escolha as versões com menos aditivos químicos e menor teor de adição de açúcar. Se preferir oferecer um iogurte caseiro, faça a receita no domingo e deixe na geladeira.

Como adiantar a preparação dos lanches

Segunda-feira: No domingo é possível cozinhar e descascar os ovos de codorna. Também aproveite para lavar os tomates cerejas. Cortá-los pela metade é uma boa pedida para evitar engasgos. Guarde tudo na geladeira até a hora de montar a lancheira.
 
Terça-feira: compre biscoitos em formato de palito. Separe, no domingo, uma pequena porção de creme de ricota (ricota batida com um pouco de azeite e ervas da sua preferência) em um pote pequeno, específico para isso – a criança vai passar o palitinho na pasta de ricota. No dia anterior de levar o lanche, faça a salada de frutas e deixe na geladeira em um pote tampado até a hora de montar a lancheira. 
 
Quarta-feira:
faça a torta salgada no domingo. Você pode usar uma receita de torta de liquidificador, com farinha integral ou de aveia e recheio de legumes ralados. Ou fazer qualquer outra de sua preferência. Corte em quadradinhos adequados ao apetite do seu filho, embale-os em papel filme e leve ao congelador/freezer. No dia anterior ao lanche, coloque na geladeira para descongelar. A torta congelada dura até 2 meses no congelador e fica ótima no dia seguinte.
 
Quinta-feira: no domingo, faça uma receita de barra de cereal da sua preferência e guarde. No dia, é só colocar na lancheira, acompanhada da maçã.
 
Sexta-feira:
Faça o bolo caseiro no domingo, corte em pedaços adequados para a criança e embale separadamente em filme plástico. Leve ao congelador. No dia anterior, coloque na geladeira. Ele se mantém delicioso e dura até 2 meses no congelador.

Outras dicas para ganhar tempo com o lanche escolar

Com um pouco de organização e um cardápio na cabeça é possível administrar uma semana de lanches, ficando pouco tempo na cozinha e lembrando o que deve ser retirado do freezer ou da geladeira com antecedência.
 
1. Usar produtos que não tem problemas para se conservar é uma boa ideia. Entre eles, existem as frutas secas, as oleaginosas, biscoitos caseiros.
 
2. Invista também em lanches que possam ser guardados na geladeira na véspera do dia do lanche como sanduíches de queijo, pão com geléia, baby carrot (mini cenouras).
 
3. Na hora de montar o cardápio da semana, lembre-se que a fruta picada e conservada em um pote com tampa na geladeira dura até 72 horas sem perder a sua condição saudável.
 
4. Mesmo que o sanduíche precise ser feito no dia do consumo, alguns ingredientes do recheio podem ser separados antes. Cenouras podem ser raladas e guardadas em um pote com tampa. Folhas podem ser lavadas e picadas com antecedência.
 
5. O tomate picado, que pode ser usado em vários tipos de lanche, dura até 72 horas na geladeira, quando guardado em um pote com tampa.
 
6. Um bolo pode ser guardado no freezer por até dois meses. Mas também dura até cinco dias na geladeira.
 
7. Tortas, como a de frango com palmito, duram cerca de dois meses no freezer e 48 horas guardada na geladeira.
 
8. Duas receitas caseiras que podem ser guardadas na geladeira por  2 a 3 dias, criadas pela nutricionista Andrea Andrade, nutricionista da RGNutri – Consultoria Nutricional:
 
BOLINHOS DE BANANA
Rende 10 porções
 
Ingredientes

3 bananas amassadas
3 ovos
1 xícara (chá) de açúcar mascavo
1 xícara (chá) de aveia em flocos
½ xícara (chá) de água morna
1 xícara (chá) de farinha de trigo
1 pitada de canela (opcional)
1 colher (sobremesa) de fermento em pó
Forminhas para muffin
 
Modo de preparo
Na tigela da batedeira coloque as bananas amassadas, os ovos, o açúcar, a aveia, a água e a canela. Bata até obter uma pasta homogênea. Adicione o fermento e bata um pouco mais. Distribua a massa nas forminhas untadas e leve ao forno médio por 40 minutos, até que os bolinhos estejam assados.
 
Se quiser congelar: depois de assados, espere até que os bolinhos esfriem. Coloque-os em recipiente fechado (com tampa), em sacos de congelar ou ainda envolva cada um deles em plástico filme. Identifique-os com etiqueta constando data de preparo/congelamento e data máxima do consumo, que não pode passar 15 dias após o dia do congelamento. O descongelamento deve ser feito de um dia para o outro, dentro da geladeira ou então diretamente no forno.
 
 
PÃEZINHOS RECHEADOS COM QUEIJO BRANCO E TOMILHO
Rendimento: 8 porções
 
Ingredientes
1/2 xícara (chá) de leite semidesnatado
5g (1/3 de tablete) de fermento biológico fresco
1 ovo
1 colher (sobremesa) de açúcar
1 colher (café) de sal
1 colher (sopa) de óleo + 1 colher (sobremesa) para untar a assadeira
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
200g (6 ou 7 fatias) de queijo branco picado em cubos pequenos
1 colher (sobremesa) de sementes de gergelim pretas
 
Modo de preparo
Misture o leite morno, o fermento, metade do ovo batido (reserve a outra metade para pincelar), o açúcar, o sal e 1 colher (sopa) de óleo. Vá juntando aos poucos a farinha, trabalhando a massa (ela não deve grudar nos dedos). Deixe a massa descansar por 30 minutos (o microondas ou forno convencional desligado são bons locais para deixar a massa crescendo). Divida a massa em bolinhas pequenas (aproximadamente 30g cada uma). Abra as bolinhas com o auxílio de um rolo. Distribua os cubos de queijo branco ao longo da massa e enrole como mini rocamboles. Pincele os pães com o ovo batido e salpique as semente de gergelim. Coloque os pãezinhos em uma assadeira untada com óleo. Leve ao forno por cerca de 30 minutos, até os pãezinhos ficarem dourados.
 
Se quiser congelar: depois de assados, espere até que os pãezinhos esfriem. Coloque-os em recipiente fechado, em sacos de congelar ou ainda envolva cada um deles em plástico filme.  Identifique-os com etiqueta constando data de preparo/congelamento e data máxima do consumo, que não pode passar de 15 dias após o dia do congelamento. O descongelamento deve ser feito de um dia para o outro, dentro da geladeira ou então diretamente no forno.

Fontes: 

Andrea Andrade, nutricionista da RGNutri – Consultoria Nutricional;  Karine Nunes Costa Durães, nutricionista especializada em Nutrição Clínica em Pediatria e criadora do site Nutricionista Infantil; Marcelo Reibscheid, pediatra e criador do portal Pediatria em Foco

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s