10 coisas que mães de gêmeos não aguentam mais ouvir

Cansada de sempre ter que responder as mesmas dúvidas, uma mãe de gêmeas resolveu mandar um recado bem humorado aos perguntadores de plantão. Será que outras mamães de gêmeos passam pela mesma situação? Resolvemos descobrir!

A australiana Annie Nolan de cara já avisa que tem PhD em paciência. Mãe do menino Malachy e das gêmeas Delphi e Cheska, ela decidiu responder de uma só vez a todos os comentários que escuta sempre que alguém a conhece. 

Sim, elas são minhas | Sim, elas são gêmeas | Sim, duas meninas | Não, não são idênticas | Sim, eu sei que parecidas | Sim, eu tenho certeza de que não são idênticas | Concebidas via sexo | Nascidas de cesárea | Você tem gêmeos na família? “Ótimo”| Na minha família não tem nenhum… até agora | Sim, estou sempre ocupada (às vezes com 2 taças de vinho só pra aguentar) | Sim, deve ser mais difícil ter trigêmeos

O que ela descobriu foi que muitas mães passam pela mesma situação! Aqui no Brasil não é diferente e várias mamães de gêmeos nos contaram o que também já não aguentam mais ouvir por aí.  

1. Você consegue saber quem é quem? Já trocou os nomes?

Essa pergunta costuma ser feita até para mães de bivitelinos (não idênticos) com sexos diferentes. Aí é dose! A saber: é bem comum que as mães e pais de gêmeos idênticos se confundam, especialmente nos primeiros meses dos bebês. Há alguns pequenos truques que ajudam a evitar isso.

2. Mas dá trabalho?

Retórica, né? Sim, gente, dá trabalho. E tudo fica mais cansativo quando alguém precisa responder a mesma pergunta toda hora, certo? Pode ser que a mãe realmente esteja passando por um momento difícil (o que acontece na vida de TODAS as mães, com ou sem gêmeos) e perguntas/comentários como esse não ajudam em nada. Nadinha! 

3. Como fez para amamentar os dois?

Diversas mães conseguem amamentar seus gêmeos naturalmente, mas em geral há muita paciência envolvida nesse processo. Acontece que várias outras, de fato, não conseguem dar de mamar e para muitas delas essa é uma experiência bem traumática. É deselegante sair perguntando isso a uma mulher com quem você não tenha intimidade. Isso pode magoá-la. 

4. Agora chega, né? Vai fechar a fábrica.

Isso é realmente da sua conta? 

5. Vocês fizeram inseminação ou aconteceu naturalmente a vinda dos bebês?

Você está fazendo uma pesquisa científica, meu amigo? Muitas vezes, o que mais incomoda nesse tipo de pergunta é que muitas vezes a pessoa só está puxando assunto. Quem sabe seja mais adequado perguntar do clima do que sobre detalhes tão íntimos da vida de quem você mal conhece, certo?

6. É verdade que quando um chora o outro chora também?

Em 31 segundos o vídeo acima pode responder a essa pergunta 😉

7) Brigam muito?

Em vez de ver as coisas por esse lado, que tal pensar que eles são muito companheiros e dão muita risada juntos? As irmãzinhas aí do vídeo são um belo exemplo disso. heart

8) Nossa, você deve ter ficado enorme!

Enorme é a falta de respeito de quem se atreve a comentar isso.

9) Gêmeos? Que horror! Deus me livre!

Sério? Troféu Delicadeza para você! Algumas mães podem até dar uma risada amarela ao ouvir isso, mas, acredite, não tem graça! Nunca.

10) Como você aguenta? Coitada de você!

Difícil mesmo é aguentar frases desse tipo. Chega a ser cruel! É preciso acreditar que as pessoas se arrependam de falar isso logo depois de terem aberto a boca. Em que mundo é aceitável chamar uma mulher de “coitada” nessa situação? Isso pode magoar muito uma mãe, mesmo que o tom seja de brincadeira.

Alguns comentários podem nem ser maldosos e/ou indelicados, mas acabam cansando as mães. Os filhos crescem e as perguntas não mudam, imagina só! Uma coisa é certa: as coisas vêm em dobro (ou triplo, quádruplo…) na vida de quem tem gêmeos, mas as alegrias também são múltiplas!

Ter gêmeos é MUITO amor! laughlaugh

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s