10 coisas que as mães de recém-nascidos não gostam que as visitas façam

Não avisar antes de ir visitar, beijar o bebê, passar perfumes fortes, não higienizar as mãos... Veja a lista completa!

O nascimento de uma criança é um momento especial, que enche os corações dos pais de amor. Consequentemente, os familiares e amigos vibram com a notícia e esperam ansiosamente a chegada do pequeno ao mundo. Só que na hora de fazer as visitas, muitas pessoas se esquecem de que é preciso tomar alguns cuidados importantes para garantir o bem-estar da mãe e do filho. Perguntamos às nossas leitoras do Facebook quais são as coisas que elas não gostam que as pessoas façam – seja ainda na maternidade, seja depois que os pais já levaram o recém-nascido para casa. Confira quais são e tente evitá-las na próxima vez que aparecer para conhecer o filhote de algum casal:

1. Não questionar quando é melhor visitar o bebê

Algumas mães preferem receber os visitantes no hospital. Vanessa Parise Garcia é uma delas: “Não me importei em receber as visitas na maternidade, pois lá me sentia mais amparada. Em casa as pessoas devem esperar alguns dias porque tudo é muito novo – tanto para os pais quanto para a criança – e nós precisamos de um momento de adaptação e conhecimento”, destacou. Já outras mamães acreditam que o melhor é que as visitas sejam feitas na casa da família. “Acho desnecessário visitar na maternidade porque estamos cansadas, às vezes anestesiadas e não podemos sequer levantar a cabeça. Quando ganhei o meu bebê, pedi ao médico para dizer que só era permitido duas visitas por dia contando com o meu esposo. Implorei e ele acabou aceitando. Eu acho que depois de uma semana é bom receber as pessoas em casa porque você está mais forte o bebê já se acostumou com o ambiente”, opinou Aureliane Boaron. Por isso, antes de visitar uma criança que acabou de nascer, converse com os familiares e se informe sobre o desejo dos pais.

2. Não avisar antes de fazer a visita

Tanto em casa quanto na maternidade é importante conversar com os pais do bebê e perguntar se aquele realmente é um bom momento para encontrá-los. “Eu não consegui descansar nada no hospital e nem em casa durante os primeiros quinze dias e as pessoas simplesmente chegavam apertando a campainha sem nem avisar. Eu não conseguia ter um momento somente com o meu marido e a bebê, para que a gente pudesse entender e conhecê-la”, afirmou Bruna Baruffi. Só quem já passou por isso sabe como essas primeiras semanas são essenciais para o casal se adaptar à nova rotina com uma criança em casa. E receber visitas a todo momento só atrapalha esse processo!

3. Beijar ou pegar o recém-nascido no colo sem pedir permissão

Mais uma vez, é necessário falar com a mamãe ou o papai antes de tomar atitudes como estas. “Acho que o pior que as visitas fazem é beijar o recém-nascido, chegar sem avisar e ir pegando o bebê sem ao menos perguntar se pode ou não e, principalmente, entregá-lo para outra criança segurar. Isso para mim é o fim”, criticou Joviana Gomes. O importante é respeitar as escolhas dos pais, que agem acreditando que estão fazendo o melhor para o filho. “Querer pegar o bebê a todo custo e começar a passá-lo de mão em mão como se fosse um objeto é desnecessário”, acrescentou Ketlyn Kate Christian. Além disso, o contato muito próximo com outras pessoas pode ser um perigo à saúde dos pequenos com o sistema imunológico imaturo. Tanto que, em 2015, uma mãe britânica fez um alerta após sua filha ter contraído herpes com menos de um mês de vida – e chocou a internet com a foto que publicou nas redes sociais. Por isso, todo cuidado é pouco! 

4. Usar perfumes fortes ou fumar antes de visitar o bebê

Evitar passar fragrâncias e produtos que tenham um cheiro intenso e fumar antes da visita é um zelo que todos devem ter. A mamãe Natália Oliveira teve uma experiência negativa com essa questão: “Minha filha se intoxicou porque um tio foi visitá-la com perfume forte. Acho isso uma falta de respeito por parte dos visitantes”, revelou.

5. Não higienizar as mãos

Isso incomoda muito as mamães que estão de olho na saúde do pequeno que acabou de chegar ao mundo. “Quando tive gêmeos, a minha preocupação foi dobrada porque eram dois bebês prematuros adoecendo em uma cidade que não tem um bom hospital. Apesar de verem o álcool em gel, poucas pessoas passavam antes de pegar os meus filhos”, declarou Lilian Aragão. Se você é mãe, não tenha vergonha de pedir para que os visitantes higienizem muito bem as mãos. Essa recomendação é essencial e garante o bem-estar de todos!

6. Visitar o bebê quando você está doente

Apesar de ser algo imprescindível, muitas pessoas acabam ignorando essa orientação. “Tive uma infeliz experiência quando a minha filha nasceu, pois recebemos a visita de uns amigos que levaram o filho pequeno resfriado e ele queria ver de perto a minha princesa. Aí tive que falar para eles irem embora da melhor maneira possível, mas mesmo assim fiquei como a chata da história – o que, pela saúde da minha filha, pouco importa”, relatou Janaina Rocha. O bom senso sempre deve prevalecer: não visite um recém-nascido se você estiver resfriado ou com qualquer outra doença contagiosa.

7. Demorar muito durante a visita

O ideal é que as pessoas tentem ser breves! “Independente se o parto foi cesárea ou normal, é cansativo do mesmo jeito! O momento é dos pais e das famílias de ambos”, destaca Rose Rodrigues. Apesar da curiosidade de conhecer o bebê, é necessário lembrar que a mãe precisa descansar e que ela e o filho estão se conhecendo e se adaptando à nova realidade. “Acho que o pior é quando a visita chega após às 19h e ainda resolve ir embora somente depois da meia-noite”, disse Alessandra Soares.

8. Não dar atenção à mãe

Durante a gravidez, toda a atenção está voltada para a futura mãe. Mas no pós-parto, momento em que as mamães mais precisam de apoio, muitas pessoas só sabem perguntar da amamentação, do ganho de peso da criança… E as mulheres se sentem praticamente invisíveis! “Todos querem ver o bebê e se esquecem da pobre mãe”, comentou Ludmylla Pacheco. É compreensível que amigos e familiares estejam ansiosos para conhecer o recém-nascido, mas também é importante entender todos os medos e anseios que surgem nesta fase, deixando as mães tão inseguras. Por isso, pergunte como ela está se sentindo e ofereça ajuda!

9. Tirar fotos e postar nas redes sociais

O flash pode ser prejudicial para a visão do bebê e muitos pais não gostam da ideia de expor o filho na web. Aline Anderson Oliveira passou por uma situação complicada: “Quando cheguei em casa, exatamente 15 minutos depois já tinham quatro carros lotados de pessoas para me visitar. Sete delas eram crianças que gritavam e corriam derrubando as minhas coisas. Tiraram fotos da minha filha e postaram no Facebook sem me pedir. O estresse foi tão grande que minha pressão subiu. Quando eu passei mal, meu marido mandou todo mundo ir embora”, contou.

10. Dar palpites indesejados

É tudo novo para o casal, que está descobrindo a melhor forma de se conectar com o bebê que acaba de nascer. Por isso, receber uma enxurrada de comentários e conselhos que não foram solicitados em nada ajuda nesse momento tão delicado e especial. A leitora Erika Fernandes afirmou que, apesar da filha dela ter apenas 25 dias, ela já ficou bastante incomodada com as opiniões e críticas recebeu sobre a forma que deveria criar sua pequena. E ela não está sozinha! “Cada mãe sabe muito bem o que convém para o seu filho e cada família sabe o que é melhor para a sua realidade, então, só nos resta respeitar as vontades”, completou a mamãe Laine Kede.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s