Eliana tem descolamento da placenta e entra em repouso absoluto

Grávida de uma menina, apresentadora está no quinto mês de gestação

Um descolamento da placenta fez Eliana precisar se afastar do trabalho muito antes do que esperava. Na noite da última segunda-feira, 22, a apresentadora contou em seu Instagram que, por ordens médicas e para salvar a filha de um parto muito prematuro, terá que fazer repouso absoluto até o fim da gestação. Ela está grávida de cinco meses.

“Fazemos tudo por nossos filhos e já estou cuidando da minha pequena ainda dentro da barriga, com muita dedicação”, escreveu ela no começo da legenda. Em seguida, desabafou: “Farei de tudo para que ela cresça e se desenvolva da melhor maneira possível aqui dentro. (…) Enquanto escrevo aqui na cama, sem poder levantar para nada, nada mesmo, lágrimas de dúvidas e medo escorrem pelo meu rosto. Mas tenho fé que em breve trarei boas notícias”.

Segundo ela, sua mãe e seu noivo, Adriano Ricco, também estão ajudando muito. A apresentadora agradeceu sua equipe no SBT e botou fé no talento de sua substituta, Patricia Abravanel, que comandará o “Programa Eliana” daqui para a frente todos os domingos.

Eliana e o noivo, Adriano Ricco (Instagram @eliana/Reprodução)

Eliana descreveu a situação angustiante como “um exercício diário de paciência, consciência e amor”, e disse que seu filho mais velho, Arthur (de seu relacionamento com João Marcello Bôscoli), de 5 anos, a ajuda muito nisso. “Ele está sempre comigo quando volta da escola. Este é o melhor momento do meu dia, pois seu astral e alegria enchem meu coração de esperança. Juntos, nós desenhamos, conversamos e brincamos na medida do que eu posso. (…) Seu carinho comigo e com a irmã emociona quem vê”.

Fazemos tudo por nossos filhos e já estou cuidando da minha pequena ainda dentro da barriga com muita dedicação. Por conta de um desses acontecimentos que não podemos controlar, apenas aceitar, estou em repouso por ordens médicas. Farei de tudo para que ela cresça e se desenvolva da melhor maneira possível aqui dentro. Preciso salvar minha filha de um parto muito prematuro. Tive um descolamento da placenta. Sei que não depende só da minha vontade e do meu esforço, mas farei o impossível para trazer o meu fruto da melhor maneira que Deus permitir. Enquanto escrevo aqui na cama, sem poder levantar para nada, nada mesmo, lágrimas de dúvidas e medo escorrem pelo meu rosto. Mas tenho fé que em breve trarei boas notícias. Lidar com essa angústia é um exercício diário de paciência, consciência e amor. Arthur me ajuda muito nesse desafio. Ele está sempre comigo qdo volta da escola. Este é o melhor momento do meu dia, pois seu astral e alegria enchem meu coração de esperança. Juntos, nós desenhamos, conversamos e brincamos na medida do que eu posso. Ele está até se divertindo ao escalar a minha cama, que é alta, quando vem fazer desenhos ao meu lado para relatar o seu dia. Seu carinho comigo e com a irmã emociona quem vê. Já passa a mãozinha na barriga e conversa com ela dando o seu "Oi irmãzinha". Não conheço criança mais doce que ele… Adriano e minha mãe também me ajudam bastante. Sempre me doei em tudo o que fiz. Mas nunca fiz nada sozinha, pois estive cercada de pessoas igualmente envolvidas e dedicadas. Desta vez, agradeço a paciência de todos que me acompanham, incluindo meus queridos da produção, diretores do SBT e a família Abravanel, em especial ao Silvio Santos, pois pela primeira vez, em tantos anos, me retiro dos palcos temporariamente por um bem maior e com o apoio amoroso e sincero de todos. Tenho certeza que Patricia fará tudo com muito respeito, carinho e será um sucesso! Eu estarei assistindo realizada. É hora de me tranquilizar. Vou terminando por aqui. Acho que já escrevi demais. Agradeço, confio e entrego em suas mãos Senhor. Em nome da minha família desejo que a sua seja abençoada. Já estou com saudades. Até breve❤️

A post shared by Eliana Michaelichen (@eliana) on

O descolamento da placenta é mais comum no terceiro trimestre da gestação, mas pode ocorrer a qualquer momento a partir da 20ª semana. Ele leva a parto prematuro em apenas 25% dos casos. Quando é feito o repouso absoluto e são tomados todos os cuidados recomendados pelos médicos, as chances de a gravidez chegar a termo (ou seja, até a 38ª semana) são de 75%.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s