14 dicas da ONG Criança Desaparecida para proteger o seu filho

Diante das recentes notícias de tentativas de sequestro, veja o que você pode fazer para manter as crianças sempre em segurança.

No mês de outubro, o relato de uma suposta tentativa de sequestro em um mercado nos Estados Unidos, seguida de outra aqui no Brasil, na Avenida Paulista, assustou os pais e tem deixado muitas famílias em alerta. Não é para menos, claro, afinal proteger os pequenos é sempre uma preocupação na vida dos adultos. E além de colocar tanta gente em estado de atenção, a denúncia abriu espaço para que outras pessoas se manifestassem nas redes sociais, compartilhando histórias que já presenciaram ou situações estranhas que as deixaram desconfiadas ou muito desconfortáveis.

Embora esses casos sejam muitas vezes tratados como neura dos pais, eles acontecem, sim, e geram muita insegurança! Seja por sentir que sua criança está sendo observada mais do que normal, seja por achar que vocês estão sendo seguidos, uma boa dose de instinto materno (e paterno!) não faz mal a ninguém. Cuidados simples como não deixar os pequenos sozinhos no carro ou ensiná-los, desde cedo, informações básicas – como nome completo, endereço, telefone e nome dos pais – podem evitar problemas futuros, que vão desde ações maldosas e criminosas até uma perda no shopping ou na praia, por exemplo.

Vale lembrar que, de acordo com o Governo Federal, cerca de 40 mil crianças e adolescentes desaparecem todo ano no Brasil e, infelizmente, muitos desses casos acabam sendo arquivados ao longo dos anos. Por isso, embora seja uma realidade que parece tão distante de nós, é importante estar sempre atento.

Veja, a seguir, o que a ONG Criança Desaparecida recomenda e esteja preparada para proteger a sua família:

1. Oriente seu filho, desde pequeno, a não aceitar presentes, doces ou caronas de estranhos, sob qualquer argumentação, nem mesmo de conhecidos ou parentes sem o seu consentimento;

2. Conheça as pessoas que convivem com seu filho, participando sempre de suas atividades escolares, festivas e entre amigos;

3. Desde pequena, a criança deve conhecer seu nome completo, o dos pais, seu endereço, telefone, referências etc. Se ela tiver dificuldade ou ainda for muito pequena para memorizar, uma pulseira de identificação pode ser utilizada;

4. Em locais com muita aglomeração, mantenha a criança sob vigilância e utilize uma pulseirinha de identificação;

5. Explique ao seu filho que, se ele se perder, deve procurar um agente público. Por exemplo, na rua, falar com um policial; na praia, com um salva-vidas; numa loja, com um segurança.

6. Sempre acompanhe as crianças ao banheiro público. Se não puder, peça a alguém de confiança;

7. Caso perca a criança, procure rapidamente um agente público devidamente identificado (Polícia Militar, Polícia Civil, Bombeiros ou Guardas Municipais);

8. Não permita que seu filho brinque na rua sem supervisão de um adulto de sua confiança;

9. Não deixe seu filho sozinho em casa ou em seu veículo, mesmo que seja por alguns minutos;

10. Ao se mudar para um novo endereço, faça sua família ser conhecida pela vizinhança e conheça também as pessoas que estão a sua volta;

11. Providencie a carteira de identidade de seu filho, que pode ser emitida já a partir do nascimento;

12. Observe mudanças no comportamento da criança e procure imediatamente identificar a causa;

13. Faça com que seu filho se sinta seguro para confidenciar qualquer coisa a você. Seja sempre seu amigo, independentemente das circunstâncias;

14. Se, em alguma situação, você se sentir ameaçada, relate o que está acontecendo ao segurança mais próximo.

Fonte: ONG Criança Desaparecida

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s